VITAMINAS E MINERAISVITAMINASÔMEGA 3 VEGANO GREEN MAN - 60 CAPS

ÔMEGA 3 VEGANO GREEN MAN - 60 CAPS

Carregando avaliações...
Referência: 626
60mg EPA + 195mg DHA - Extraído de algas (100% vegano)
COR: N/A
OMEGA3DHAEPAALGA60CAPSPOTE
SABOR: SEM SABOR
SEM SABOR
TAMANHO: N/A
N/A
Este produto não está disponível no momento
Quero saber quando estiver disponível

FRETE GRÁTIS A PARTIR DE R$ 249,9,90 PARA TODO BRASIL

Compartilhar
O Ômega 3 Vegano é um suplemento alimentar, em cápsulas veganas, da linha GREEN MAN à base de EPA e DHA, extraídos da micro alga Schizochytrium sp, uma alternativa ao tradicional óleo de peixe. Este suplemento foi especialmente desenvolvido para suprir as demandas nutricionais de vegetarianos e veganos.

Existe Ômega 3 vegano?

Para entender se existe uma alternativa vegana para o Ômega 3, comumente extraído de fontes animais, é preciso entender o que é o Ômega 3

O ômega 3 é classificado como um ácido graxo poli-insaturado (AGPI-CL) composto essencialmente pela combinação do ácido docosahexaenoico (DHA) e ácido eicosapentaenoico (EPA). Esse nutriente não é produzido endogenamente pelo organismo sendo imprescindível sua ingestão em quantidade adequada por meio da alimentação e/ou suplementação.

No mercado, é muito comum encontrar produtos sendo vendidos como Ômega 3 vegano que possuem apenas o DHA (ácido docosa-hexaenoico) em sua composição. Por isso é fundamental ler os ativos de uma fórmula antes de adquirir seus suplementos alimentares.

Tendo a inovação como um de nossos pilares, nós da BLACKSKULL USA™ desenvolvemos o primeiro Ômega 3 100% vegano composto por DHA e EPA extraído de algas (schizochytrium sp).

Benefícios do Ômega 3 Vegano Por conter em sua formulação a combinação do EPA, anti-inflamatório, e do DHA, antioxidante, os benefícios do Ômega 3 GREEN MAN™ são os mesmos que os já conhecidos oriundos de fontes animais, como o peixe.

Seus benefícios estão relacionados a redução dos triglicérides, colesterol total, pressão arterial, diminuição de danos vasculares e prevenção da formação de coágulos e desempenha papel importante nos processos inflamatórios¹.

Ômega 3 de algas

Os peixes são uma das fontes mais conhecidas de Ômega 3. Porém, algumas evidências indicam que os ácidos graxos poli-insaturados (PUFA) encontrados nos óleos de peixes são provenientes da ingestão de organismos que constituem o zooplâncton, os quais têm como seu principal alimento as microalgas. Sendo assim, por meio da cadeia trófica, os PUFA´s produzidos e acumulados pelas microalgas são direcionados até os peixes.

Sardinha, bacalhau, arenque, savelha e anchova, por exemplo, contêm alto teor de gorduras e são muito utilizados na obtenção de PUFA. Porém, produtos extraídos destas fontes podem apresentar diversos problemas, incluindo contaminação com metais pesados, odor desagradável, presença de colesterol, baixa estabilidade, produção variável e um perfil de ácidos graxos complexo, podendo apresentar mais de 50 tipos diferentes. Em contrapartida, os ácidos graxos das microalgas não apresentam as desvantagens citadas acima. Além disso, as condições ambientais podem ser controladas nos cultivos e as espécies podem ser selecionadas conforme os ácidos graxos desejados. Isso sem contar que, por apresentar composição mais simples, o processo de purificação dos PUFA é facilitado.

Referencias:
¹ VAZ, D.S.S. et al. A importância do ômega 3 para a saúde humana: um estudo de revisão. Revista UNINGÁ. Vol. 20, n.2, p. 48-54, 2014.

Produtos Relacionados

Avaliações

Carregando…
Carregando avaliações…